Über was Mann ist

Sobre o que o homem é

Dizem que todas as tentativas de conceitualização acerca do homem falharam, e falam isso com um grande orgulho, como se isso tirasse o crédito de todas as tentativas e empreendimentos nesta empreitada, mas se esqueceram de que o homem é um devir constante, apenas por isso que todas elas falharam. E a única possível e permanente conceitualização acerca do homem foi feito por um sábio pré-socrático e seu discípulo.

Anúncios

Ändern

Mudar

Minha pupila dilatou-se. Em plena madrugada. A luz que a lua projetara do sol e a fúria com que o homem deseja tornar noite em dia fizeram-me perceber que nada mais é o que deveria ser. Há algo errado aqui, mas como? Como deveriam ser as coisas? Não deveriam, mas estamos acostumados com determinadas coisas serem de determinado modo, normal acreditar que não mudarão. Mas mudam, hoje, noite e dia se confundem, como se confundem muitas outras coisas. As coisas mudam, isso deveria ser ruim? Como deveria ser? Por que as coisas “deveriam”? Panta rei os potamós. Como assim Parmênides, mudar é não ser? Ora Heraclito, não direi uma palavra a mais do que você: “no mesmo rio, entramos e não entramos; somos e não somos” não podemos nos banhar duas vezes no mesmo rio, pois na segunda vez as águas do rio – em perpétuo fluxo – já não serão as mesmas, assim como nós mesmos já teremos mudado. Para muitos, mudar talvez seja uma coisa ruim, acostumados com uma situação boa não querem que ela mude, para outros, mudar é uma oportunidade de evoluir, sair de uma situação ruim e passar para uma situação boa e para alguns mudar é simplesmente melhorar uma situação que já é boa. Confusão, tem algo além disso na terra? Sem obrigado, com licença, por favor… Caos, eis a palavra mágica. Nem poesia nem filosofia, as duas confundiram-se, mas uma coisa é certa, o filósofo nem sempre é poeta, mas o poeta é sempre um filósofo. Suspirei isso por causa de um pequenino cisco no olho, na pupila dilatada, enquanto olhava a lua, mas tudo muda e logo o cisco saí. E quando cair outro cisco em meus olhos já não será o mesmo cisco de outrora. Às vezes tenho a impressão de que nada muda, mas então olho ao redor e vejo que tudo está se tornando cada vez melhor e que minha alma está cada dia mais saudável, e então digo: tudo muda, que bom!